- Ruas de quarentena

 

Ruas de quarentena desertas por onde passos não seguem mais,

pessoas não passam mais,

encontros não se encontram mais.

Ruas de quarentena desertas por onde palavras não se trocam mais,

mãos não se apertam mais, braços não se abraçam mais.

Ruas de quarentena desertas que venham de volta tudo o que por elas não passa mais. 

Principalmente, a esperança de andar por essas ruas sem imaginar que houve dias que por elas não se andava mais.